Picuinha política de Braide deixa centenas de famílias sem atendimento médico na região do Sol e Mar

Não satisfeito em deixar idosos e pessoas com deficiência sem passe livre, Eduardo Braide por picuinha política, cancelou convênio com o Instituto “viva bem mais”, cujo o presidente é o vereador Maquinhos, que esteve ao lado de Neto Evangelista na campanha de 2021.

A entidade disponibiliza serviços nas áreas de esporte, educação e saúde, mas sem o convênio vai precisar fechar o núcleo de saúde do Sol e Mar, porque o Instituto não tem condições de manter o serviço, já que oferece atendimentos sem fins lucrativos.

Essa picuinha é um desserviço à saúde pública da capital, é uma crueldade com população pobre dos bairros do Sol e Mar, Turú, Vila Luizão, Divineia Brisa do Mar entre outros. Mensalmente 5 mil pessoas procuram a entidade, a região tem uma grave carência em saúde da família.

São Luís tem apenas 70 unidades básicas de saúde distribuídas em 7 distritos, muito pouco para a grande demanda. Veja que dessa região só quem aparece na divisão de distritos é o bairro Turu que conta apenas com o Centro de Saúde Djalma Marques e Unidade de Saúde da família.

Para você ter uma ideia do caos, segundo levantamentos feitos pelo IBGE em 2010, só a população do bairro Divinea estava estimada em 6.984  e apenas 38% dessas famílias tem renda de até 3 salários mínimos o resto é de um à dois salários, ou seja, pessoas que não possuem condições de aderirem saúde privada.

Imagine agora se calcularmos a população de toda aquela região, que tem um cescimento populacional desordenado, onde os problemas de habitação, saneamento básico, infraestrutura e saúde favorecem o surgimento de novas ocupações irregulares… preocupante não é mesmo ?

Parece piada de mau gosto. Será que Braide não parou para analisar o desastre que o fechamento desse núcleo pode causar dentro das poucas UBS do município? Com certeza não.

Assim como o prefeito burguês de SANGUE AZUL, nunca pegou ônibus na vida, com toda certeza não sabe o que é precisar do SUS. O sistema único de saúde é um modelo incrível, infelizmente nossos péssimos gestores não sabem executar. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *