Acusado de homicídio é condenado a 18 anos de prisão em Buriticupu

Juíza Urbanete de Angiolis, presidiu o júri em Buriticupu

Em júri presidido pela juíza Urbanete de Angiolis na última terça-feira (16), na 2ª Vara de Buriticupu, o réu Elinário Izidorio de Sena foi considerado culpado pelo conselho de sentença. A sessão de julgamento foi realizada no salão do júri do Fórum de Buriticupu. Ele recebeu a pena definitiva de 18 anos e meio de prisão, pelos crimes de homicídio e porte ilegal de arma, sendo 16 anos e meio pelo primeiro crime, que teve como vítima Valdir Soares de Almeida. O homicídio ocorreu em 9 de fevereiro de 2019, na rua do Açude, em Buriticupu.

Conforme apurado pela polícia, na data e local citados, a vítima, acompanhada de um homem identificado como Raimundo Evilásio, foram até a residência do denunciado para realizarem a cobrança da quantia de R$ 1.500 (um mil e quinhentos reais). Ao chegar, o dois entraram na casa e iniciaram uma conversa acerca do débito. Em dado momento, Elinário afirmou não ter a quantia em dinheiro e que viajaria alguns dias depois para receber um numerário e que realizaria o pagamento ao Raimundo Evilásio.

COBRADORES NA PORTA

Foi relatado na denúncia que a vítima acompanhou Raimundo Evilásio até a residência de Elinário porque Raimundo havia comprado um terreno de sua propriedade e lhe daria a quantia como parte do pagamento. Seguiu narrando a denúncia que Raimundo Evilásio falou para o denunciado que precisava do dinheiro porque estava devendo Valdir. Em determinado momento, Elinário teria se alterado e falado que não queria cobradores em sua porta, expulsando os dois homens de sua casa.

Por fim, foi apurado pela polícia que, ao se dirigirem até a motocicleta de Valdir para irem embora, Raimundo teria visto o denunciado sacar uma arma. Nisso, a vítima teria falado o seguinte: “Rapaz, você está me ameaçando com arma? Eu não aponto arma para homem, porque se eu apontar é para atirar”. Ato contínuo, Elinário teria efetuado diversos disparos de arma de fogo, ceifando a vida de Valdir Soares.

PF mira madeireiras ilegais nos municípios de Buriticupu e Bom Jesus das Selvas

Foto Reprodução

A Polícia Federal no Maranhão, com apoio do ICMBio e da Polícia Penal Estadual, deflagrou, nos dias 09 e 10 de julho, a Operação Araribóia Livre VI, com ações em madeireiras ilegais localizadas nos municípios de Buriticupu e Bom Jesus das Selvas/MA. ação faz parte de uma estratégia de proteção contra a extração ilegal de madeira de terras indígenas, especialmente da Terra Indígena Araribóia, a maior da região.Durante a operação, foram inutilizados 12 motores de serrarias e um caminhão velho que estava carregado de madeira serrada na hora da abordagem.

Entre as madeiras identificadas, estavam o Pau d’Arco (Ipê), Maçaranduba, Já tobá e até Piquizeiros. A madeira apreendida foi destinada à Secretaria de Administração Penitenciária do Maranhão, responsável pela guarda até a destinação definitiva. Quando for concluída a doação, a madeira poderá ser trabalhada pelos presos como forma de remição de pena.

Foto Reprodução

Durante a ação, foi verificado, ainda, que os trabalhadores atuavam em condições degradantes, dormindo em pequenos barracões de lona, sem qualquer documentação trabalhista e sem condições mínimas de higiene e/ou de equipamentos de segurança. Os proprietários das madeireiras já foram identificados e as investigações prosseguirão também em relação aos crimes conexos, como o crime de redução à condição análoga à de escravo, art. 149-A, Furto de Energia, art. 155, §3º e Receptação qualificada, Art. 180, §3º, todos do Código Penal.

A Polícia Federal reforça que a extração ilegal de madeira é crime previsto no art. 50-A da Lei de Crimes Ambientais, que tem pena prevista até 4 anos.

Pai e filho são presos em flagrante por homicídio em Buriticupu

23ª Delegacia Regional de Buriticupu

A Polícia Civil do Maranhão, em uma ação realizada na manhã do último domingo (21), conseguiu prender em flagrante, na cidade de Buriticupu, dois homens em virtude de suposto cometimento do crime de homicídio qualificado por motivo fútil.

A 23ª Delegacia Regional de Buriticupu, recebeu a informação de um homicídio ocorrido dentro de uma aldeia indígena situada no município. De posse da denúncia, as equipes policiais se deslocaram até a cena do crime, onde apuraram que o homicídio teria sido praticado por dois homens, sendo eles pai e filho.

As primeiras informações levantadas no local indicaram que o crime teria sido motivado por desentendimento ocorrido na residência dos autores, minutos antes do cometimento do delito.

Segundo a delegacia regional, o filho realizou um disparo de arma de fogo contra a vítima, mas não conseguiu atingi-la. Em seguida, o pai desferiu contra a mesma vários golpes de facão. Os suspeitos levaram a vítima para dentro do matagal, contudo testemunhas relataram que era possível ouvir os gritos da vítima que implorava para não ser morta.

De posse da identificação dos autores, os policiais civis conseguiram prender a dupla, que foi levada à delegacia para ser submetida aos trâmites legais. Os presos foram encaminhados ao sistema prisional e ficarão à disposição da Justiça.

Suspeito de estuprar enteada durante 3 anos em Goiás é preso em Buriticupu

Imagem ilustrativa

Na manhã desta terça-feira (16), um homem, de 39 anos, foi alvo de um mandado de prisão preventiva cumprido pela Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar no município de Buriticupu. O indivíduo é suspeito de ter praticado o crime de estupro de vulnerável contra a enteada durante três anos, na cidade de Nerópolis, interior do Estado de Goiás.

No dia 20 de março deste ano, familiares da vítima, hoje, com 11 anos de idade, estiveram na delegacia da cidade para denunciar o crime, apresentando inclusive, um vídeo gravado pela própria vítima, no qual comprovava os abusos sofridos. Assim que tomou ciência que seria alvo de uma investigação, o indivíduo fugiu da cidade.

Nesta terça, após trocas de informações entre as Polícias Civil dos Estados de Goiás e Maranhão, por intermédio do Centro de Inteligência da PC-MA, as equipes de policiais civis e militares, conseguiram localizar e prender o suspeito no Povoado Faísa, em Buriticupu.

VÍDEO – Voçorocas voltam a engolir casas em Buriticupu

Foto Reprodução

O clima na cidade de Buriticupu é de pânico. A população da cidade vive assustada por conta do fenômeno das Voçorocas que voltaram a surgir com as fortes chuvas que caem na região.

Neste último fim de semana casas foram engolidas pelas crateras gigantes e outras seguem a beira de precipícios. Moradores estão abandonando suas residências com medo que aconteça o pior.

Buriticupu está na lista das 25 cidades do Maranhão em situação de emergência por causa das chuvas que causam o aumento do nível de rios, além de alagamentos, enchentes e destruição de estradas, deixando centenas de famílias desalojadas.

Não bastassem os transtornos provocados pelas chuvas, o município apresenta mais de 25 voçorocas que se espalham e ameaçam engolir todo o município.

Veja imagens:

Com marcas de tiro, casal é encontrado em cova rasa em Buriticupu

Foto Reprodução

Enterrados em uma cova rasa, um casal, identificado como Raimundo Felipe, de 19 anos, e Elisângela da Silva Mesquita, de 27 anos, foram encontrados com marcas de tiros na última sexta (12).  Eles estavam desaparecidos desde o dia 25 de março deste ano.

Segundo a Polícia Civil, os corpos, que já estavam em estado de decomposição, foram encontrados em uma região de matagal próximo ao cemitério Canto da Paz. A PC  segue investigando o caso, mas a principal suspeita é de acerto de contas.

Os corpos foram levados por uma funerária para o Instituto Médico Legal (IML) de Imperatriz.

Adolescente que estuprou criança de 8 anos e quase foi linchado é apreendido em Buriticupu

Foto: PCMA

A Policia Civil do Estado do Maranhão, por intermédio da Delegacia Regional de Polícia Civil de Buriticupu/MA, cumpriu nesta sexta-feira (8) um mandado de internação do adolescente W. B. de J., expedido em razão de cometimento do ato infracional análogo ao crime estupro de vulnerável (art. 217-A, do CP c/c art. 103 do ECA).

Há dois dias, a delegacia local tomou conhecimento da ocorrência de estupro de vulnerável de uma criança de apenas 08 anos de idade.

O ato infracional chocou à população que tentou capturar o suspeito logo depois do fato, não se logrando êxito.

As investigações foram aprofundadas e a partir de um vídeo extraído de câmera de segurança que registrou a fuga do menor em conflito com a lei foi possível a sua identificação.

Após a reunião dos elementos de informação produzidos, a 23ª Delegacia Regional representou pela internação do menor, tendo parecer do Ministério Público favorável e deferimento pela Poder Judiciário de forma célere. Logo após a publicação da decisão, o mandado foi cumprido.

Criança e homem são encontrados mortos em tanques de água em Buriticupu

Foto Reprodução

Um trágico fim de semana na cidade de Buriticupu deixou duas vítimas fatais em tanques de água.

Uma delas foi uma criança de 4 anos, que estava desaparecida e foi achada sem vida por seus familiares em um tanque na Vila Francisca Primo. A outra foi um homem que morava no bairro Portelinha e foi encontrado por um vizinho dentro de outro tanque na rua São Raimundo.

A polícia está apurando as circunstâncias das mortes e ouvindo testemunhas.

Tragédia: Pastor Marcos Aurélio morre em acidente na BR-222

Pastor Marcos Aurélio Santos

Um grave acidente de trânsito na BR-222, entre os municípios de Buriticupu e Bom Jesus das Selvas, no Maranhão, tirou a vida do Pastor Marcos Aurélio Santos Pereira, de 52 anos, na noite dessa sexta-feira, 19. Ele era líder da Igreja Assembleia de Deus na região.

De acordo com testemunhas, o pastor colidiu com a traseira de um trator que trafegava na rodovia. Com o impacto, o carro pegou fogo e o pastor ficou preso às ferragens. O corpo dele foi retirado do veículo carbonizado e levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Imperatriz.

A morte do pastor causou comoção entre os fiéis. Como líder religioso, o pastor Marcos Aurélio ocupava os cargos de vice-presidente do Conselho de Pastores em Santa Inês e presidente da Igreja Batista Missionária. Ele também foi um dos responsáveis pela organização da Marcha para Jesus na cidade.

Polícia Civil localiza caminhão roubado na Grande São Luís em Buriticupu

Veículo de carga localizado no interior do Estado

Um trabalho realizado pela Polícia Civil do Maranhão resultou, na localização de um caminhão avaliado em aproximadamente 200 mil reais, que teria sido roubado no dia 15 de dezembro de 2023, no município de Buriticupu. O veículo foi recuperado no bairro Pindaí, em Paço do Lumiar, Região Metropolitana de São Luís.

O Departamento de Combate ao Roubo de Cargas (DCRC/SEIC) informou que, no momento da localização, os policiais civis suspeitaram que os sinais identificadores do veículo estariam adulterados. O caminhão foi encaminhado para o ICRIM, onde os peritos constataram tal adulteração, conseguindo revelar os sinais identificadores originais de fábrica do veículo.

De acordo com o departamento especializado, o veículo será restituído ao seu legítimo proprietário e, para uma completa apuração dos fatos, será instaurado inquérito policial, com intuito de identificar o receptador e quem adulterou os sinais identificadores do caminhão.